Blog

seo para wordpress

Otimização de Site: Dicas de SEO para WordPress

Os gigantes de busca como Google, Yahoo e Bing não priorizam o belo design do seu site para posicioná-lo bem.
O seu site torna-se mais ou menos relevante para os motores de busca em razão de como o SEO para o WordPress foi construído, ou seja, ele analisa a qualidade do conteúdo postado, das palavras-chaves escolhidas, do uso de links internos, entre outros fatores.
Por isso, entender o que os motores de busca estão realmente priorizando em seu site pode ser a chave do sucesso para o seu negócio online.

Sendo assim, neste post reunimos algumas boas práticas que incluem técnicas simples de SEO para WordPress.

Tais técnicas, quando usadas da forma correta, podem determinar o modo como o seu site será posicionado no Google.

Por que é importante otimizar um site para os motores de busca?

Se o site foi desenvolvido em WordPress, saiba que é muito importante otimizá-lo para os motores de busca.
Um site amigável ao Search Engine Optimization tem mais chances de aparecer na primeira página dos resultados da pesquisa, o que, consequentemente, facilita o direcionamento do tráfego constante para o seu site.
O próprio WordPress fornece inúmeros plugins de SEO muito úteis, visto que automatizam algumas tarefas relacionadas a SEO. Porém, algumas práticas precisam ser aplicadas manualmente, como as que vamos conhecer a seguir.

  1. Produza conteúdo de qualidade!

Conteúdos envolventes, exclusivos e de qualidade são a tática de SEO mais explorada para posicionar bem um site nos mecanismos de busca.
Seja em um site corporativo ou em um blog, o conteúdo é a alma do SEO!  
E quando falamos de conteúdo, não estamos falando de textos gramaticalmente corretos; estamos nos referindo a conteúdos relevantes para o leitor.

O conteúdo de alta qualidade é aquele tipo de conteúdo único, que não foi um mero “Ctrl C + Ctrl V” de algum outro site ou blog.
Vale destacar que o Google é um buscador bastante esperto: ele identifica os “ladrões de conteúdo” com facilidade.
Punindo-os duramente com a perda de algumas posições no ranking – na melhor das hipóteses.  
Sabendo que as pessoas buscam informações valiosas na internet, pense que seu conteúdo precisa ser relevante e altamente compartilhável.
Quanto mais interessante e bem explorado o assunto, mais compartilhável seu post será.
E não se esqueça de trabalhar as palavras-chaves que tenham relação com o assunto abordado em seu texto.
O próprio Google fornece palavras-chaves quando buscamos um termo nele;
Há também ferramentas mais específicas, como o Google Keywords Planner (gratuito), além de outras pagas, como a SemRush.

  1. Use as tags de títulos

Quando você vai inserir um conteúdo no WordPress, já deve ter reparado nas siglas H1, H2, H3, e assim por diante.
Essas siglas são as chamadas tags de títulos, essenciais para ajudar no posicionamento do site nos motores de busca por meio de palavras-chaves e conteúdo relevante.
As tags são, sem dúvida, uma das mais importantes “boas práticas” de SEO.
A H1 é o título do seu texto. Nesta tag, deve-se colocar um título claro e informativo, onde conste a palavra-chave principal trabalhada do texto.
A H2 é onde se deve inserir os títulos adicionais, as linhas finas dos textos, dando informações complementares que não couberam no título.
Já as tags H3 e H4 são usadas para os subtítulos ou intertítulos dos artigos/matérias.

  1. Defina os links permanentes

Tanto as URLs das páginas quanto as URLs das postagens que você faz em seu site são considerados links permanentes.
Os links permanentes são aqueles visualizados na barra de endereços dos buscadores, e que levam diretamente para a página relevante de um site.

O WordPress oferece um modo de configurar seus links permanentes de um jeito padronizado, sendo possível alterar os links conforme a necessidade.

  1. Use links internos corretamente

Adicionar links internos em suas postagens é algo crucial para gerar mais relevância para as páginas internas de seu site.
Isso também é uma forma de apresentar aos leitores links complementares dos assuntos lidos por eles, no caso de terem interesse em saber mais sobre um determinado assunto.
Mas grande parte dos donos de sites e redatores esquecem de interligar seus conteúdos com uso dos links internos. Mas cabe lembrar que essa tarefa acelera seus esforços de SEO para sites em WordPress, além de melhorar a experiência do usuário em seu site.

As técnicas explicadas acima são apenas as mais utilizadas em SEO para WordPress. Gostou do post e quer saber mais de SEO para sites em WordPress? Acompanhe o blog da DGAZ!

Tags:

SEO e Links Patrocinados

Agência de Marketing criada em 2002 focada em Links Patrocinados Google, Criação de Apresentações em PowerPoint, Criação e Manutenção de Landing Pages e SEO. Agende uma visita e surpreenda-se com a DGAZ Marketing!

contato@dgaz.com.br
+55 (11) 2348-5714 / 2348-5715